MOC realizou Planejamento e Avaliação Institucional 2019

MOC realizou Planejamento e Avaliação Institucional 2019

22/03/2019

“Não tenho um caminho novo. O que eu tenho de novo é um jeito de caminha”, Thiago Mello. Foi com o espírito de ressignificar sua caminhada que o Movimento de Organização Comunitária (MOC) realizou na quinta-feira (21) de março, no município de Feira de Santana/BA, seu Planejamento e Avaliação Institucional do ano de 2019, referente às ações de suas áreas programáticas divididas em: Programa Água, Produção de Alimentos e Agroecologia (PAPAA), Programa de Desenvolvimento Institucional (PDI), Programa de Educação do Campo Contextualizada (PECONTE), Programa de Fortalecimento de Empreendimentos Econômicos Solidários (PFEES), Programa de Gênero (PGEN) e Programa de Comunicação (PCOM).

 

A atividade deu inicio com uma belíssima mística sobre Jeito de Ser, levando a mensagem e reflexão do importante papel de quem corrobora intensamente para que o MOC contribua na transformação de vidas no Semiárido. Seguindo para abertura com as boas vindas e falas da Maria Vandalva Oliveira (Coordenadora Pedagógica do MOC) e Célia Firmo (Coordenadora Geral do MOC).

 

E para começar os trabalhos do dia foi apresentado e relembrando para a equipe do MOC, pela Coordenadora Pedagógica a Matriz Estratégica Institucional, que se compõe pela sua Missão, Visão, Princípios e Valores, que baseia todo o processo de desenvolvimento das ações da instituição, processo esse que embasou a avaliação de cada área programática, construída em momentos anteriores e socializada nesse encontro, formando uma ‘Arvore’ com raízes, galhos, folhas e diversos frutos, que se resume aos feitos e efeitos da caminhada do MOC, assim como seus avanços, desafios e entraves, que diante das mudanças do cenário do país afetaram drasticamente o MOC.

 

A avaliação permeou para além do ano 2018, mas buscou analisar a trajetória do MOC desde a elaboração do Planejamento Operacional Quinquenário que aconteceu no final de 2013 para início de 2014 e completa em 2019 um ciclo de cinco anos (05) de desenvolvimento ativo com a execução das ações.

 

Em 2019, o MOC começa a pensar e repensar em um novo redesenho de seu Planejamento Operacional para execução de seu trabalho, visando e se atentando a o contexto atual, que é desfavorável para a instituição no sentido de captação e desenvolvimentos de projetos que fazem as suas ações acontecerem e louvar resultados plausíveis no que remete a missão de “Contribuir para o desenvolvimento sustentável, integral e integrado, a inclusão sociopolítica, econômica e cultural, bem como o exercício da cidadania de populações comumente excluídas, povos e comunidades tradicionais, encampando temáticas emergentes no campo das mudanças climáticas, das múltiplas identidades e na perspectiva da Convivência com o Semiárido e da Agroecologia”.

 

Desse modo, as equipes do MOC entre Coordenação Executiva, Coordenadoras dos Programas e Técnicos/as estão em processo de construção do Planejamento anual para 2019, que segue para o planejamento operacional, de onde saem às ações e metas traçadas pelo nível tático para atingir os objetivos das decisões estratégicas. E assim seguirá o MOC resistindo e insistindo Por um Sertão Justo. “Fé na vida Fé no homem/as, fé no que virá. Nós podemos tudo. Nós podemos mais. Vamos lá fazer o que será”.




Por: Robervânia Cunha

Foto: Alan Suzarte

Programa de Comunicação do MOC - PCOM